Voltar para o site coopermiti

“Acreditamos que o único
caminho para a mudança de
comportamento é através da
educação.”

A HISTÓRIA DA TORRADEIRA

Hoje em dia a torradeira é um aparelho comum em praticamente todas as cozinhas do mundo, não existindo melhor método de se transformar o pão numa deliciosa torrada.

George Schneider, que tinha trabalhado na American Electrical Heater Co. em Detroit, foi o primeiro a pedir uma patente para uma torradeira elétrica nos Estados Unidos, entre 1893 e 1900.

Anos depois, em 1909, a General Electric patenteou o seu modelo GE D-12 Toaster, que se tornou a primeira torradeira elétrica comercial bem sucedida, com o seu design criado por um técnico chamado Frank Shailor.

As grandes evoluções das torradeiras nasceram também nos Estados Unidos. Em 1913 o inventor norte-americano Lloyd Groff Copeman registrou uma quantidade de patentes de diversas invenções, entre elas a da torradeira que permitia torrar ambos os lados de um pão sem lhe tocar. De seguida chegaram os modelos semi-automáticos que se desligavam automaticamente quando o pão estava torrado ao gosto da pessoa.

A primeira torradeira com ejeção automática do pão apareceu em 1921, através do inventor americano Charles Strite.

Depois disso, em 1925, a Waters Genter Co. lançou o modelo 1-A-1 Toastmaster que torrava simultaneamente ambos os lados do pão, usando a patente de Lloyd Copeman.

Por 1946, foram lançados modelos ultramodernos em cromo e em 1950 saíram produtos como o T-50, T-35 e T-20 , todos caracterizados pelo automatismo e pelo reduzido consumo elétrico.

Com a evolução tecnológica foram feitos numerosos esforços para melhorar a tecnologia da torradeira, mas nem sempre com grande utilidade para a sua função principal.

Em 1990 John Romkey e Simon Hackett projetaram a Internet Toaster, um dispositivo de alta tecnologia comandado a partir da Internet.



Enquanto isso, Robin Southgate da Universidade de Brunel desenhou, em 2001, uma torradeira que dava a previsão meteorológica.



A Technologic Systems criou uma torradeira que fazia uso do sistema operativo NetBSD Unix, em 2005.

Algumas das mais recentes evoluções incluem recursos mais práticos e convenientes, tais como o modo de aquecimento do pão de um único lado e a possibilidade de se torrar pão congelado.

Com tecnologia de ponta ou apenas de funções simples, certamente que ninguém resiste a uma deliciosa torrada feita num aparelho com mais de um século de existência.







http://produto.mercadolivre.com.br/MLB-710801398-torradeira-antiga-supertost-arno-raridade-_JM

http://origemdascoisas.com/a-origem-da-torradeira/

https://www.google.com.br/search?q=celular+antigo&hl=pt-BR&biw=1920&bih=932&site=webhp&source=lnms&tbm=isch&sa=X&sqi=2&ved=0ahUKEwj34Oe1ksbOAhXMhJAKHcUYAcUQ_AUIBigB#hl=pt-BR&tbm=isch&q=torradeira+antiga&imgrc=pIdNpULmtJ4eWM%3A