Voltar para o site coopermiti

“Acreditamos que o único
caminho para a mudança de
comportamento é através da
educação.”

COMPUTADOR iMac G3

Empresa: Apple Inc.

Ano:1998



iMac

O iMac é um modelo de computadores Macintosh projetado e construído pela Apple Inc. e lançado em 7 de maio de 1998. Seu diferencial se baseava em um design arrojado, com cores fortes de alto contraste e diversos atributos novos, com o intuito de atrair o público jovem e popularizar a marca.

História

Steve Jobs juntou as linhas de produto grandes e confusas da companhia após tornar-se seu CEO em 1997, reduzindo os computadores disponíveis à série Power Macintosh G3. Tendo cancelado a série Performa, para usuários domésticos, a Apple buscava um novo produto com a mesma linha de preço do Performa. A companhia anunciou o iMac em 7 de maio de 1998 e começou a enviar o computador em 15 de agosto do mesmo ano. O lançamento do iMac foi um evento memorável para seu tempo e teve um grande impacto tanto na companhia como na indústria de computadores como um todo.

Naquela época, a Apple já era a única a produzir computadores pessoais all-in-one (todos componentes agrupados, como CPU, monitor, drive de CD, etc.). Esteticamente falando, o iMac foi diferente de qualquer outro computador lançado antes dele. Era feito de plástico colorido translúcido, numa cor que a Apple chamou de "bondi blue", uma espécie de azul petróleo, e tinha formato de ovo em torno de um monitor CRT de 15 polegadas. As interfaces do computador estavam escondidas por trás de uma pequena porta no lado direito do iMac. Duas entradas de fone de ouvido complementavam os alto-falantes estéreo incluídos. O design é creditado a Jonathan Ive, atualmente vice-presidente de design industrial na companhia.

Antigas conexões ADB, SCSI e GeoPort foram eliminadas em favor das novas portas USB e o drive para disquete foi descartado. Apesar dessas já serem tecnologias um tanto ultrapassadas, a decisão da Apple foi um tanto a frente de seu tempo e foi muito debatida. Na época, não havia outra maneira analógica de trocar arquivos pequenos com outras máquinas existentes, fazendo com que fosse necessário a compra de um drive externo USB (que vendeu bem nos primeiros anos do iMac G3). Criar cópias de backup era lento sob uma conexão USB 1.1, que opera a 12 Mbit/s (1,5 MB/s). Os puristas sentiram que os arquivos tinham de ser transferidos por compartilhamento de arquivos via rede ou via e-mail.

O teclado e o mouse do iMac foram redesenhados com plástico translúcido e cor semelhante ao iMac. O teclado era menor que os modelos anteriores da Apple, com letras brancas em teclas pretas, que atraiu debate. O mouse tinha um formato redondo, instantaneamente tachado como "desnecessariamente difícil" para usuários com mãos grandes e foi considerado particularmente repreensível por parte da Apple, pioneira da interface gráfica. A Apple continuou fabricando o modelo, mas adicionou uma pequena linha divisória para os usuários saberem onde ficava o botão. Mais tarde, um mouse óptico conhecido como Apple Pro Mouse substituiu o mouse redondo em todas as linhas de hardware da companhia. Em 2005 a Apple trocou o Pro Mouse pelo Mighty Mouse, para o novo iMac G5.



Características do produto

iMac G3 foi uma linha de computadores pessoais fabricada pela Apple Inc. no final da década de 1990, precisamente entre 1998 e 2003.

A linha iMac G3 da Apple foi um sucesso entre os consumidores domésticos, pois seu monitor era colorido e trazia uma inovação: ocupava pouco espaço, visto que o seu CPU e alto-falantes eram embutidos no monitor (sendo o CRT de 15 polegadas).

Design e avanços

Como é de praxe a Apple Inc. querer impressionar os consumidores, o iMac G3 impressionou a todos no seu lançamento em 1998, teve um design super futurístico e bem pensado para economizar espaço, foi desenhado com a mesma ideia do Macintosh original, um computador do tipo All in One visando à portabilidade e economia de espaço. Foi um sucesso de vendas, contando com diversas cores translúcidas (acabando com a ditadura do bege), compacto e com design moderno e inovador. Porem era demasiado infantil para os empresários e usuários empresariais, mas encantou aos usuários domésticos e crianças, que viam como um brinquedo.

Um avanço foi a utilização em massa de interface USB aposentando assim, o antigo sistema ADB (parecido com o conector PS/2 dos pcs comuns). Também seu Mouse USB foi grande motivo de discussão, pelo seu formato de bola até então nunca visto, dividia opiniões, mas depois, foi acusado de causar dores nas mãos por causa do seu formado novo.

Seu hardware também foi um grande avanço para a época, contando com um processador PowerPC G3 com clock de 233 MHz e 350 MHz (produzidos para competir com o Intel Pentium II), HD de 4 a 8 GB, placa de vídeo ATI Radeon onboard com 2 a 8mb, Alto-Falantes Harman/Kardon, e Infra-vermelho.

Mas a Apple queria revolucionar uma época que ainda não existia. Um de seus erros foi a ausência de leitor de disquetes 3 1/2, (usados em 95% dos computadores) e contar com um avançado leitor e gravador de CD (pouco comuns). A Apple anunciava a morte dos disquetes, e ainda em 1998 muitos computadores não tinham sequer gravador de CDs, por isso a empresa foi obrigada a criar um periférico de disquetes. Para se ter uma ideia do avanço, os leitores de disquetes só foram deixados de lado em 2007, quase 10 anos depois, e o gravador em 2004.

Preço

O iMac original 233 MHz PowerPC G3 (PowerPC 750) chip, e teve um 4 GB de disco rígido, 32 MB de RAM, 2 MB de Vídeo RAM com Mac OS 8.1, foi vendido por US$ 1.299.











https://pt.wikipedia.org/wiki/IMac_G3

https://pt.wikipedia.org/wiki/IMac